Daewoo Nexia

desde 1994 lançamento

Reparo e operação do carro



Daewoo Nexia
+ Instrução de manutenção
+ Manutenção
+ Motor
+3. Motor (dois eixos superiores)
+ Esfriamento de sistema
+ Combustível e sistemas de escape
- Cadeia elétrica
   6.2. Descrição geral
   6.3. Regras de cuidado do acumulador
   6.4. Cheque do acumulador
   6.5. Carga de acumulador
   6.6. Bateria recarregável
   6.7. Sistema de lançamento do motor
   6.8. Diagnóstica de maus funcionamentos
   6.9. Algoritmo de diagnóstica de maus funcionamentos
   6.10. Revezamento de tração
   6.11. União de um rodar livre (MCX)
   6.12. Reparo de nós de um autor 5MT e 10MT
   6.13. Gerador
   6.14. Diagnóstica de maus funcionamentos do gerador CS-121
   6.15. Desmantele-se do gerador
   6.16. Reparo do gerador CS-130
+7. Sistema de ignição
+8. Unidade de controle eletrônico e sensores
+ Transmissão
+10. Transmissão de cinco velocidades e transferência principal de RPO MM5
+11. Câmbio automático
+ Direção
+ Gerência de engrenagem
+14. Expeça o suporte de forma triangular de interrupção
+15. Passeio de rodas avançadas
+16. Suporte de forma triangular de interrupção posterior
+ Sistema de freios
+ Corpo
+ Aquecimento, ventilação
+ Equipamento elétrico



6.4. Cheque do acumulador

INFORMAÇÃO GERAL

Indicador de grau de estado de carga e nível de eletrólito do acumulador DELCO desacompanhado

 


A interpretação dos símbolos aplicou-se na etiqueta do acumulador

1 – No serviço do acumulador é necessário seguir as regras segundo as medidas de segurança afirmaram no manual de operação.
2 – No acumulador há um ácido que se corrói e é necessário ser cuidadoso que o ácido não derramou do acumulador.
3 – Não use a chama nua sobre o acumulador.
4 – Durante o trabalho com o acumulador usam olhos arregalados.
5 – Guarda o acumulador no lugar não disponível para crianças.
6 – No momento da utilização entregam o acumulador só em pontos destinados com esta finalidade.
7 – Não rejeite o acumulador em conjunto com o lixo de casa.
8 – Os gases emitidos no acumulador que cobra são explosivo.

É necessário realizar o controle da densidade do eletrólito no acumulador cada 3 meses para definir a capacidade de carga do acumulador.

O controle realiza-se pelo densitômetro. Determinando a densidade do eletrólito é necessário considerar a temperatura de acumulador. Em uma temperatura do eletrólito em baixo de 15 °C em todo o mundo 10 ° menos do que esta temperatura subtraem o valor 0,007 da densidade medida. Para todo o mundo 10 ° mais de 15 ° acrescentam 0,007.

A densidade de eletrólito no acumulador tem de estar nos seguintes limites:

Temperatura
Está acima de 25 °C
É em baixo de 25 °C
Carga cheia
1,210 – 1,230
1,270 – 1,290
Carga de 70%
1,170 – 1,190
1,230 – 1,250
Descarregado
1,050 – 1,070
1,110 – 1,130

A densidade de medida do eletrólito em cada um pode. A diferença na densidade 0,04 ou mais entre dois qualquer banco indica a perda do eletrólito ou sulphation de chapas.

Se a densidade de eletrólito entre dois qualquer banco se diferenciar mais, do que em 0,04 acumulador é sujeito à substituição. Se a densidade do eletrólito se exigir mais baixo, mas idêntico em todos os bancos, o acumulador tem de acusar-se.

Em caso do uso do acumulador desacompanhado a condição do acumulador pode verificar-se só o voltômetro. Em acumuladores com o indicador construído do grau do estado da carga a condição do acumulador determina-se pela cor do indicador. A cor verde do indicador corresponde a uma carga cheia do acumulador. A cor preta do indicador indica a necessidade da carga de acumulador. A cor amarelo-clara ou amarelo-viva do indicador testemunha ao nível baixo do eletrólito no acumulador (ver o arroz. Indicador de grau de estado de carga e nível de eletrólito do acumulador DELCO desacompanhado).

No acumulador há um rótulo gomado com os símbolos de aviso (ver o arroz. A interpretação dos símbolos aplicou-se na etiqueta do acumulador).